60 ANOS DOS CONSELHOS DE MEDICINA FOI PALCO PARA HOMENAGENS

 

A comemoração dos 60 anos dos Conselhos de Medicina também foi palco para homenagem a médicos que se destacaram por suas trajetórias pessoais e profissionais. Eles foram escolhidos dentre 135 indicados pelos Conselhos Regionais de Medicina (CRMs) dos estados onde mantiveram forte atuação, mas o reconhecimento é nacional dada à projeção do trabalho executado.

As cinco comendas foram criadas pela Resolução nº 2.022/2013 do CFM e na edição de 2017, com evento que ocorreu hoje (12/12) às 18h no CFM, foram homenageados:

– Celmo Celeno Porto, de Goiás, que receberá a comenda Fernando Figueira, de Medicina e Ensino Médico;

– Gabriel Wolf Oselka, de São Paulo, agraciado com a Mário Rigatto, de Medicina e Humanidades;

– Iaperi Soares de Araújo, do Rio Grande do Norte, com a Moacyr Scliar, de Medicina, Literatura e Arte;

– José Almir Santana, de Sergipe, recebedor da honraria Zilda Arns Neumann, de Medicina e Responsabilidade Social;

– Roberto Figueira Santos, da Bahia, ganhador da Sérgio Arouca, de Medicina e Saúde Pública.

Lincoln Ferreira, além de representar a AMB como presidente, esteve dentre os admiradores dos escolhidos, para aplaudir seus êxitos.

A lei de regulamentação do Conselho Federal e os Conselhos Regionais de Medicina, foi assinada em 1957, pelo presidente JUSCELINO KUBITSCHEK, que era médico.

 

Fotos: Rodrigo Aguiar

Compartilhar em: