EM WEBINAR, BRASILEIROS E ANGOLANOS AVALIAM OS APRENDIZADO COM A COVID-19

A Associação Médica Brasileira (AMB) e a Associação Médica Angolana (ASMEA) realizaram na terça-feira, 10 de novembro, o webinar ‘Atenção Médica em Tempos de Covid-19 – O que Nós Aprendemos’, que teve coordenação do presidente da AMB, Lincoln Ferreira, e do vice-presidente da ASMEA, Mauro Pinto.

O diretor científico da AMB, Antonio Carlos Palandri Chagas, moderou as palestras de Helio Bacha, represente da Sociedade Brasileira de Infectologia (SBI), Hélio Guimarães, presidente da Associação Brasileira de Medicina de Emergência (Abramede), Helga Reis, diretora nacional de saúde pública do Ministério da Saúde de Angola, e Wanderley Bernardo, coordenador do Projeto Diretrizes da AMB.

“Nós ficamos muito agradecidos pela colaboração da ASMEA e pela oportunidade de realizar um intercâmbio entre o Brasil e a Angola para debater essa doença que mudou a forma de vermos o mundo, de cuidarmos uns dos outros e de nos aproximarmos”, disse o presidente da AMB na abertura doe evento.

Já o vice-presidente da ASMEA, retribuiu o agradecimento e ressaltou a importância do debate. “Com todos os números de casos e mortes nossa forma de agir nesse período vai modificar e muito a vida no futuro”, avaliou Mauro Pinto.

Compartilhar em: