DR ZILLI PARTICIPA DO FÓRUM DE SAÚDE SUPLEMENTAR DA FOLHA DE SÃO PAULO

 

Dr Emílio Cesar Zilli,  presidente da Câmara Técnica de Classificação Brasileira Hierarquizada de Procedimentos Médicos da Associação Médica Brasileira (AMB), participou do fórum Saúde Suplementar, promovido pela Folha na quinta feira dia 23/11.

Na oportunidade trouxe questões importantes à discussão sobre o tema, e uma delas em relação os reajustes dos planos de saúde.

ANS permite reajustes extorsivos, muito além de sua capacidade do cidadão, quando é obrigado a recontratualizar o seu plano.

As operadoras de planos de saúde se justificam usando três argumentos (além de outros), mas estes sempre aparecem para reajustar seus planos acima da inflação: o aumento da sinistralidade que significa o número de vezes que o plano é utilizado pelos usuários; a variação do Custo Médico Hospitalar (VCMH) que, alegam, é sempre acima da inflação geral; e o envelhecimento populacional de suas carteiras, o que obviamente obriga a uma maior utilização. Todas estas alegações são questionáveis em seus impactos e, em nome da transparência, devem ser discutidas.

http://www1.folha.uol.com.br/seminariosfolha/2017/11/1937621-falta-de-transparencia-deixa-usuarios-de-planos-de-saude-vulneraveis.shtml

Compartilhar em: