MÉDICO É O PROFISSIONAL MAIS ACOMETIDO POR BURNOUT

Recentemente incluída na nova Classificação Internacional de Doenças (CID), a síndrome de Burnout atinge hoje cerca de 45% dos médicos brasileiros, segundo a presidente da Comissão de Combate à Dependência Química da AMB, Carmita Abdo.

A rotina estressante e o acúmulo de demandas estão entre as principais causas da doença. “Existe uma incidência ainda maior de Burnout em especialidades que exigem uma ação mais rápida e que lidam com riscos à vida”, explica Carmita. Segundo a especialista, os sintomas da doença começam com a exaustão e podem se agravar com o tempo, caso não sejam tratados.

A AMB tem promovido debates específicos sobre a saúde mental de profissionais e estudantes de medicina, em parceria com o Fórum Nacional de Serviços de Apoio ao Estudante de Medicina (FORSA).

A saúde mental dos médicos foi capa do Jornal da @associacaomedicademinasgerais. Leia: http://bit.ly/2XPm5rX.

Médico, cuide de sua saúde para cuidar dos outros!

#Burnout #saudemental #saudeemocional #AMB #FORSA

Compartilhar em: