O JURAMENTO MÉDICO É O QUE NOS MOVE

Após o lamentável episódio da tentativa de assassinato do candidato às eleições para a presidência da República Jair Bolsonaro, circularam boatos sobre a hipotética participação de médicos em um complô, objetivando simular um atendimento que não teria ocorrido ou ainda para prestar informações agravando o que teria sido um ferimento leve. Tais boatos chegaram ao cúmulo de insinuar que a falta de confiança nos médicos responsáveis pelo atendimento teria ocasionado o deslocamento de médicos de outros centros para Juiz de Fora.

Indignas as acusações feitas por mentes que muitas vezes só têm isso para se ocupar — criar teorias da conspiração sem se preocupar com a verdade ou a quem estarão atingindo com tais mentiras.

Dessa forma, torna-se indispensável que a AMB se posicione publicamente para esclarecer que o paciente acima mencionado foi atendido pelos colegas de Juiz de Fora da forma mais adequada, segura e isenta de intercorrências, numa situação grave e delicada de ferimento.

Assim, repudiamos veementemente, por entendermos totalmente infundadas, as alegações de um possível uso da medicina para outros fins, que não o interesse e a segurança do paciente. Como também ratificamos aqui o nosso mais veemente repúdio à alegação de que médicos exerçam sua nobre atividade com base em preceitos ou orientações políticas.

As inverdades que têm sido maldosamente disseminadas sobre o exercício da medicina são despropositadas e nos ofendem a todos como classe. Escolhemos a profissão e, fiéis à nossa escolha, submetemo-nos a exaustivas horas de estudo desde a graduação, a especialização e a constante atualização, com o objetivo de zelar pela saúde das pessoas e salvar vidas, empregando para tanto todos os recursos que tivermos disponíveis, não permitindo que idade, doença ou incapacidade, credo, origem étnica, gênero, nacionalidade, filiação política, raça, orientação sexual, posição social ou qualquer outro fator se interponha entre o nosso sagrado dever e o nosso paciente. Este é o nosso juramento!

Compartilhar em: