Entidades de Saúde e OAB/RS solicitam audiência com governador do Estado para garantir recursos ao setor

As entidades médicas, hospitalares e de servidores da saúde, que representam o setor no Estado, juntamente com a Ordem dos Advogados do Brasil/RS, querem uma audiência com o governador José Ivo Sartori para tratar do quadro atual e do futuro da assistência à saúde da população gaúcha. Essa foi a decisão conjunta de todas as entidades, deliberada durante uma reunião realizada na sede da OAB/RS, na noite de quinta-feira. O objetivo do encontro foi debater o corte de 30% dos recursos da Secretaria da Saúde do Estado. Houve uma redução de R$ 103 milhões/mês para R$ 70 milhões.
O presidente da AMRIGS, Dr. Alfredo Cantalice, alerta que o corte de verba para a saúde pode ocasionar o fechamento de hospitais no interior do Estado e, além da desassistência à população, a demissão de médicos e trabalhadores da saúde.  “Hospitais, médicos, enfermagem, nutricionistas e demais servidores trabalham unidos. Se fechar um hospital no interior é um caos na cidade. Todos perdem, principalmente a população. A AMRIGS está atenda aos problemas que afetam a área da saúde no Estado e se soma ao conjunto de forças públicas em defesa da sociedade gaúcha”.
Após a reunião, foi assinado um documento de pedido de audiência, em caráter de urgência, com o governo do Estado. As entidades de Saúde e a OAB/RS buscam evitar o corte orçamentário de 30% dos recursos e requerer ao governador um aporte mínimo ao setor. Também será debatida a necessidade da implantação de um calendário para o repasse de quantias já previstas para 2015 e o pagamento imediato de valores atrasados.
Hoje 70% de toda assistência do SUS no Estado é prestada pelas Santas Casas e hospitais filantrópicos, sendo responsáveis por 520 mil internações/ano. Cerca de 7 milhões de gaúchos só têm acesso ao SUS.

Tocantins oferecerá educação continuada aos associados

A meta principal da nova diretoria da Associação Médica de Tocantins (AMT), empossada para o triênio 2014/2017, e dirigida pelo presidente Genildo Ferreira Nunes, é oferecer educação médica continuada aos seus associados.Trabalhos neste sentido já estão sendo desenvolvidos, explica o presidente da entidade.

“A oferta da educação médica continuada é o nosso principal trabalho visando fortalecer o associativismo. Além disso, também já demos andamento em nossos planos de criar a revista médica tocantinense, outro meio com o objetivo de congregar os colegas. Nesse sentido, já criamos o Conselho Editorial e acredito que em seis meses, no máximo, a revista já estará nas mãos dos associados”, conta Genildo.

Nos planos da diretoria também estão incentivar a criação de Sociedades de Especialidade que ainda não tenham regionais no Estado de Tocantins, caso da Nefrologia, por exemplo.

“A ideia é congregar o maior número possível de especialidades em nossa sede, a exemplo do que já acontece com ginecologia e obstetrícia; mastologia; pediatria; dermatologia e reumatologia”, conta Genildo.

Atualmente, a AMT ocupa a antiga sede do Conselho Regional de Medicina do Tocantins, localizada no plano diretor sul, na cidade de Palmas. Contatos com a entidade podem ser feitos pelo tel. (63) 3223-8108, e-mail: amt@amt-to.org.br ou pelo site: www.amt-to.org.br

AMRIGS ajuda a declarar o seu Imposto de Renda

A Assessoria Contábil da AMRIGS auxilia seus sócios a declarar o Imposto de Renda 2015. O prazo de apresentação de documentos vai de 1º de março a 30 de abril. Se houver Livro Caixa, a AMRIGS orienta a entrega da documentação até o dia 20 de abril. O serviço é realizado pelo escritório de contabilidade conveniado, no valor especial de R$ 130,00, incluindo Livro Caixa. Segundo a contadora da AMRIGS, Jaqueline Rycheski, há alguns cuidados que o contribuinte deve ter ao fazer a declaração: certificar-se de que está em posse de todos os comprovantes de rendimentos de 2014, observar os critérios de obrigatoriedade de entrega da declaração do IR, os prazos determinados pela receita federal e ter muita atenção com as despesas médicas. Só poderá haver atualização dos valores de imóveis se o contribuinte realizou alguma reforma que agregou valor a este imóvel, além de possuir todos os comprovantes dos valores gastos.

Mais informações na Central de Serviço ao Associado pelo telefone (51) 3014-2023 ou e-mail csa@amrigs.org.br

Associação Médica do Espírito Santo

Inaceitável mau gosto

Julgar uma categoria profissional pelas más práticas, pela falta de ética e até mesmo por atitudes criminosas de uma minoria é mais do que lastimável, é inaceitável.  Quando esse inequívoco julgamento vem por meio de uma charge, soma-se à lista do inaceitável o extremo mau gosto.

As entidades médicas, assim como o Jornal A Gazeta, repudiam toda e qualquer falta de ética, de profissionalismo e, principalmente, atitudes criminosas em todos os níveis. O Conselho Regional de Medicina do Espírito Santo (CRM-ES) atua na fiscalização do bom e ético exercício da medicina, julgando e punindo, de acordo com a legislação que lhe compete, as más práticas profissionais.

Junto com o Sindicato dos Médicos e Associação Médica do Espírito Santo, o CRM-ES defende a boa prática profissional e isso implica, inclusive, em repudiar veementemente o conceito explicitado, ontem, no jornal A Gazeta por meio da charge intitulada “A máfia dos médicos”.

É importante deixar claro que nós, entidades médicas, respeitamos e defendemos a liberdade de imprensa. Mas não podemos nos calar quando nos deparamos com opiniões generalizadas colocando em um mesmo “pacote” toda a categoria profissional.

Existem bons e maus profissionais em todas as categorias, mas nem por isso podemos ou devemos generalizar e classificar todos como maus, ruins, péssimos ou até mesmo criminosos.  No que diz respeito à chamada máfia das órteses e próteses, denunciada na mídia nacional, o Conselho Federal de Medicina, em nome de toda a classe médica, propôs às autoridades competentes a criação de mecanismos para regular a comercialização de órteses, próteses e materiais especiais.

Reiteramos total apoio às investigações para coibir práticas condenadas pela imensa maioria dos 400 mil médicos brasileiros que, historicamente, tem se posicionado contra a cultura da impunidade – em todos os campos da vida em sociedade – no nosso país evitando danos aos pacientes e prejuízos econômicos.

Severino Dantas Filho – Presidente do CRM-ES

Carlos Alberto Gomes dos Santos – Presidente da Ames

Otto Baptista – Presidente do Simes e vice-presidente da Fenam

Vinícius Coach – Presidente da Associação dos Estudantes de Medicina do ES

Alexandre Ruschi – Presidente da Federação das Unimeds do Estado do Espírito Santo

Associação Bahiana de Medicina

ABM discute PEC 454 com Senador Pinheiro

O Presidente da Associação Bahiana de Medicina, Dr. Robson Moura, e o vice-presidente, Dr. José Marcio Vilaça, estiveram reunidos, no dia 26 de dezembro de 2014, na sede do Cremeb, com o senador Walter Pinheiro, além de representantes do Cremeb e Sindimed.  O encontro foi resultado de solicitações das entidades médicas baianas e intermediado pela diretora da ABM, Dra. Clarissa Mathias. O objetivo foi discutir a PEC 454, que define a carreira de Estado dos Médicos, para que ela seja aprovada no Congresso Nacional ainda este ano.

Na ocasião, o Senador Walter Pinheiro comprometeu-se a defender a PEC 454 e assegurou que agendará um encontro com o Presidente do Senado, Renan Calheiros. A PEC inclui carreira de Estado Federal, dedicação exclusiva com remuneração oriunda de fontes federais e carreira pelo SUS. “É intenção da ABM, Cremeb e Sindimed continuar essa discussão também com outros parlamentares, tratando o tema como uma questão suprapartidária”, afirmou Dr. Robson Moura.

Participaram também do encontro o Presidente do Cremeb, Dr. Abelardo Garcia de Meneses, a vice-Presidente, Dra. Teresa Maltez, o primeiro secretário, Dr. Jorge Cerqueira, o conselheiro, Dr. José Augusto, o Presidente do Sindimed, Dr. Francisco Magalhães, os representantes da Bahia no CFM, Dr. Jecé Brandão e Dr. Otávio Marambaia.

Associação Catarinense de Medicina

Posse da Nova Diretoria ACM

Publicado dia 29 de outubro de 2014 – 12:10

A Associação Catarinense de Medicina- ACM informa a nova diretoria eleita para a gestão 2014/2017, cuja cerimônia de posse realizou-se no dia 17 de outubro de 2014 na sede da ACM.

Segue abaixo a nominata:

DIRETORIA ACM

Rafael Klee de Vasconcellos
Presidente

Eduardo Nobuyuki Usuy Jr
Vice-presidente
Dir. Depto. Convênios

Roger Pirath Rodrigues
Secretário Geral

Ademar José de Oliveira Paes Jr
Dir. Pub. Científicas

Andre Mendes Arent
Dir. Defesa Profissional

Sergio Marcos Meira
Dir. Patrimônio
Dir. Administrativo
Dir. Financeiro
Dir. Prev. e Assist.
Dir.Tecnologia e Informática Médica

Antonio Dimas Neve Jacobowski
Dir. Esportes

Jonas Krischke Sebastiany
Dir. das Regionais

Concetta Esposito
Dir. Científico

Luciana Paladini
Dir. Sócio-Cultural

Ronaldo Della Giustina
Dir. Comunicação

VICE-PRESIDENTE DISTRITAIS

Distrito Sul – RENATO LOPES MATOS
Distrito Planalto – FABIANO MARCOS BRUN
Distrito Norte – RICARDO POLLI
Distrito Vale do Itajaí – PATRICK CARDOSO CANDEMIL
Distrito Extremo-Oeste – JORGE ALBERTO HAZIM

Associação Médica de Brasília

Posse da nova Diretoria AMBr

Na noite do dia 18 de outubro, a Associação Médica de Brasília promoveu a solenidade de posse para os diretores responsáveis pela gestão do triênio 2014-2017. Luciano Gonçalves de Souza Carvalho manteve-se na presidência da Associação.

Integram a diretoria o vice-presidente Ognev Meireles Cosac; o diretor administrativo Jorge Gomes de Araújo; o diretor econômico Carlos José Sabino Costa; o diretor de planejamento Elias Couto de Almeida Filho; o diretor de comunicação Antônio Geraldo da Silva; a diretora de editoração científica Ana Patrícia de Paula; a diretora científica Angélica Amorim Amato; o diretor social Fernando Fernandes Correia e a diretora de relações com a comunidade Olímpia Alves Teixeira Lima.

Delegados Efetivos

Aristotenis Cardoso Cruz, Eudes Fernandes de Andrade, João de Sousa Nascimento Filho, José Henrique Leal de Araújo, José Nava Rodrigues Neto e Wendel dos Santos Furtado.

Delegados Suplentes

Aloísio Nalon Queiroz, Carlos Alberto de Santa Ritta Filho, Evaldo Trajano Filho, Jaldo de Aguiar Barbosa, Roberto Cavalcanti Gomes de Barros e Susany de Oliveira Suderio.

Conselho Fiscal Titular

Márcio de Castro Morem, Nivaldo Cavalcante Barros  e Roberto Nicolau Cavalcanti de Souza.

Conselho Fiscal Suplente

Adalberto Amorim de M. Júior, Baelon Pereira Alves e Bolivar Leite Coutinho.

Associação Bahiana de Medicina

Posse festiva da ABM lota entidade e emociona os presentes

Publicada no dia 03/11/2014 às 10h53

A calorosa e emocionante posse festiva da ABM, recheada de música entoada por teclado e flauta, foi aberta na noite de quinta-feira (30), na sede da entidade, com o tocante Hino Nacional. Em seguida, o então Presidente, Dr. Antonio Carlos Vieira Lopes, fez a entrega do título de mérito funcional aos funcionários Paulo Roberto Vasconcelos e Sebastião Oliveira Ataíde. O Presidente invocou as palavras do escritor Antoine de Saint-Exupéry para abrir a solenidade, explicou sua trajetória antes e durante a ABM, especialmente quando exerceu com muito amor a função de professor universitário, e citou os desafios da próxima gestão.

“Não poderia deixar de citar o enfraquecimento das entidades médicas com as sociedades de especialidades. Perdemos receita e força de congregação. Perdeu força o movimento médico. Algo deve ser feito em nível nacional para recuperar a associatividade de uma categoria tão atingida pelo governo federal. Agora, como diretor da AMB, vou defender essa bandeira”, pontuou Vieira Lopes. Destacou ainda a vitória na justiça que a ABM obteve com a transferência de propriedade do Clube dos Médicos e a união das entidades médicas congregadas pelo Cosemba. “Participamos juntos de lutas memoráveis”. Ao final de sua fala, homenageou os funcionários e colaboradores da ABM.

Em seguida foi feita homenagem pela Diretora Dra. Claudia Galvão ao então Presidente. Ela falou, em lindas palavras, sobre a importância de Vieira Lopes para sua vida e para a ABM. Em seguida, Dr. Robson Moura recebeu o título de presidente da ABM pelo Conselho Superior da ABM e o emblema da Associação, antes usado por Vieira Lopes. Foi feita a leitura dos nomes da nova diretoria.

Dr. Robson Moura citou, entre outras, metas para a gestão que se inicia, como a repaginação do site, com área específica para o associado; manutenção do alto padrão da revista; parcerias entre as Diretorias Acadêmicas das Faculdades de Medicina e a ABM; trazer o alunado de Medicina para a entidade; e manter os mutirões de saúde. Também defendeu mais recursos para o SUS e o combate à corrupção. Ao final, fez emocionados agradecimentos à família e a todos que contribuíram para a sua trajetória.

Para o Presidente do Sindimed, Francisco Magalhães, Vieira Lopes vai deixar grande marca no movimento médico. Dr. Abelardo Meneses, presidente do Cremeb, lembrou que a gestão dinamizou, modernizou a entidade. “Ele esteve na linha de frente de muitos movimentos, continuamos com seu exemplo”, completou. Ao final, fez um apelo para que os médicos façam uma oposição racional ao governo federal. O Chefe de Gabinete da Sesab, Dr. Paulo Barbosa, enfatizou que a ABM cumpriu sua missão, ajudando a construir diálogo com a Sesab.

Compuseram a Mesa Alta da Solenidade o então Presidente da ABM, Dr. Antonio Carlos Vieira Lopes, o atual Presidente, Dr. Robson Moura, o Chefe de Gabinete da Sesab, representando o Governo da Bahia, Dr. Paulo Barbosa, o Presidente do Cremeb, Dr. Abelardo Garcia de Meneses, o representante da Bahia no Conselho Federal de Medicina, Dr. Jecé Brandão, o promotor de Justiça Dr. Rogerio Queiroz, o Presidente do Sindimed e do Cosemba, Dr. Francisco Magalhães, o Presidente da Academia de Medicina da Bahia, Dr. Almério Machado, e, representando todos os ex-Presidentes da ABM, Dr. Altamirando Santana. Prestigiaram a solenidade, entre outros, a vereadora eleita deputada estadual Fabíola Mansur, Dra. Itana Viana, representando a OAB-BA, o Presidente da Associação dos Procuradores do Estado da Bahia, Dr. Marcos Sampaio,  e o representante da Bahia no Conselho Federal de Odontologia, Dr. Mario Dourado. Ao final da solenidade, os presentes participaram de um coquetel de confraternização.