Universidade FBG oferece conteúdo científico gratuito para seus associados 

No auge de seus quase 70 anos de história, a Federação Brasileira de Gastroenterologia se mostra uma instituição contemporânea e preocupada em se aproximar do seu público como uma associação geradora de ciência e conteúdos. E dentro das ações de aproximação com seus associados está o lançamento do programa Universidade FBG, plataforma acadêmica que pode ser acessada através do portal da federação, um canal que passou por processo de modernização e está mais funcional e informativo.

O programa Universidade FBG exibe aulas com áudio e slides de professores especializados que foram gravados na XV Semana Brasileira do Aparelho Digestivo, em 2016, e que são disponibilizados de forma online. Atualmente três salas de aula virtuais já estão disponíveis, sendo elas: Estômago, Doenças Funcionais e Helicobacter pylori. A cada cinco salas de aula assistidas automaticamente é gerado um certificado de participação no programa.

Não há um período específico para os interessados se inscreveram no programa Universidade FBG, e todos os seus mais de 4,3 mil sócios distribuídos em 22 unidades federadas em todo o Brasil, desde que estejam quites com suas anuidades, podem participar do projeto. Além das salas de aula, o programa da federação oferece materiais científicos através de livros, consensos, e da BIBLIOTECA FBG que contém todo o conteúdo das aulas que foram gravadas em eventos da instituição nos anos de 2015 e 2016.

Inscreva-se no programa Universidade FBG e confira as demais vantagens de ser um associado da Federação Brasileira de Gastgroenterologia no portal www.fbg.org.br/

CONHEÇA O RESULTADO DA ELEIÇÃO PARA AMB NO SEU ESTADO

Nos últimos 10 dias, os médicos associados de 23 das 24 federadas da Associação Médica Brasileira puderam votar na eleição eletrônica para a AMB. O sistema de votação disponibilizado pela entidade foi implementado e gerenciado pela Scytl Innovating Democracy. A auditoria está sendo realizada pela PricewaterhouseCoopers (PwC). Ambas atuam globalmente e possuem competência e reconhecimento internacionais.

Veja como foi a eleição no seu estado:

A apuração dos votos do estado de São Paulo encontra-se sub júdice, em virtude de liminar impetrada pela Associação Paulista de Medicina (APM). Diante disso, não foi possível contabilizar o resultado da eleição realizada pela APM na totalização dos votos. Mesmo que fossem computados não alterariam o pleito.

A finalização da eleição ainda está sendo feita pela Comissão Eleitoral e auditada pela PwC, para garantir o total rigor, a transparência e a credibilidade, de forma que a escolha dos médicos brasileiros seja respeitada.

A confirmação dos resultados, a proclamação da chapa vencedora, assim como a posse da nova diretoria ainda dependem de rito estatutário da AMB.

Clique no link para ver a Ata de Apuração, redigida logo após a apuração, que registra conformidade do processo de apuração e conta com a anuências das duas chapas do pleito:

http://bit.ly/ata-eleicao

ELEIÇÃO DA AMB: APURAÇÃO NACIONAL

ELEIÇÃO DA AMB: APURAÇÃO NACIONAL

A votação eletrônica da eleição para a AMB foi concluída, quinta-feira, 31/08, às 18h30. Conforme ata (link abaixo) da Comissão Eleitoral redigida logo após o fechamento da votação e apuração do pleito, que contou com a anuência e concordância de ambas as chapas, o resultado geral dos votos válidos foi:

a) Chapa 1 – AMB Sem Partido: 72,99%
b) Chapa 2 – AMB Para os Médicos: 27,01%

A eleição foi realizada pela Scytl Innovating Democracy e auditada pela PricewaterhouseCoopers (PwC), empresas com atuação internacional e com expertises mundialmente reconhecidas, garantindo transparência e confiabilidade não somente à apuração dos votos, mas a todo processo eleitoral, fundamental para democracia e vontade dos médicos eleitores seja preservada.

Os votos dos médicos de São Paulo não puderam ser contabilizados, pois a eleição realizada por esta federada está judicializada, por iniciativa da própria Associação Paulista de Medicina.

Conforme rito estatutário, o resultado será apreciado pelo Conselho Deliberativo e Assembleia de Delegados. Na sequência, a nova diretoria da AMB será empossada.

Clique no link para ver a ata:
http://bit.ly/ata-eleicao

Notícias Relacionadas:

ATENÇÃO!!! Eleição da AMB quem faz é a AMB
https://amb.org.br/noticias/amb/atencao-eleicao-da-amb-quem-faz-e-amb/

XV Congresso Brasileiro de Transplantes – ABTO

Este ano você que trabalha na área de Transplante Cardíaco ou Pulmonar tem  um ótimo motivo para não faltar ao XV Congresso Brasileiro de Transplantes, em Foz do Iguaçu: o JOINT ABTO/ISHLT SYMPOSIUM ON THORACIC TRANSPLANTATION.

A Associação Brasileira de Transplante de Órgãos (ABTO) e a Sociedade Internacional de Transplante de Coração e Pulmão (ISHLT), com sede no Texas/EUA, reunir-se-ão pela primeira vez na história do Congresso Brasileiro de Transplantes, no dia 20/10 – Sexta-feira, das 14h30 às 19h00.

O Simpósio constará de uma sessão de 180 minutos, com seis apresentadores, sendo três conferencistas internacionais indicados pela ISHLT.

Tema:

Management Dilemmas and Practical Insights in Thoracic Transplantation and Mechanical Support

Convidados Internacionais Confirmados:               

Hannah Copeland e Joshua Mooney (Estados Unidos)

Daniel Kim (Canadá)

Objetivos principais:

1) Otimizar, internacionalmente, os resultados clínicos de doenças cardíacas e pulmonares em faze terminal.

2) Possibilidade de estabelecer liderança e parceria no desenvolvimento de padrões de qualidade, em todo o mundo.

No site www.congressoabto.org.br/2017 você encontra mais informações sobre este evento.

AÇÃO CONTRA MAIS MÉDICOS (ADI 5035) VAI A PLENÁRIO NO STF AMANHÃ (31/08/2017)

A sessão plenária iniciará às 14h e tem transmissão ao vivo pela TV Justiça.  

 A ação foi protocolada em 23/08/2013 e nos dias 25 e 26/11/2013, foi realizada audiência pública para ouvir o depoimento de autoridades e especialistas sobre o “Programa Mais Médicos”.

Em petição de 23/06/2014, a Associação Médica Brasileira/AMB requereu o aditamento da inicial, tendo em vista a conversão da Medida Provisória que implantou o programa ter sido transformada em Lei.

No dia 16/05/2017 a AMB protocolou junto ao STF pedido de urgência na designação de sessão de julgamento para apreciação da medida cautelar, já que há mais de 3 anos o processo está com o relator, o Ministro Marco Aurélio.

As motivações para a ADI e a inconformidade da AMB com a ausência de sessão de julgamento, mesmo após audiência pública ter sido realizada nos dias 25 e 26/11/2013, tem como principais motivos os inúmeros prejuízos a um dos maiores interesses públicos resguardados na Constituição Federal: a saúde pública digna e de qualidade à população brasileira, pois o Programa Mais Médicos, em suas premissas e sua posterior execução, possibilitaram a desproporcional e irracional situação de profissionais atuantes no Mais Médicos:

  • Estrangeiros, sem formação profissional.
  • Estrangeiros, quando médicos, com dispensa da revalidação de diploma, obrigatoriedade em qualquer país sério do mundo para avaliar conhecimentos, habilidades e atitudes dos médicos formados no exterior e verificar se as competências são equivalentes às exigências brasileiras.
  • Estrangeiros com a dispensa de comprovação de proficiência na língua portuguesa.
  • Estrangeiros ocupando espaços onde anteriormente havia médicos brasileiros, que foram demitidos. Prefeituras substituíram médicos brasileiros por médicos cubanos, para trocar a fonte de recursos de pagamento da esfera municipal para a federal, em função da situação orçamentária dos municípios.
  • Estrangeiros, na grande maioria cubanos, recebendo menos de 1/3 dos valores devidos, para que o restante fosse encaminhado à OPAS e à Cuba.
  • Médicos brasileiros tendo suas inscrições dificultadas pelo o sistema, sendo rejeitadas ou não concluídas. Fato este que ainda está presente e que fez com que a AMB entrasse com nova ação, desta vez na Justiça Federal do Distrito Federal.

Foto: Dorivan Marinho SCO/STF (06 07 2011)

EINSTEIN QUER LEVAR STARTUPS DE SAÚDE PARA ACELERAÇÃO NOS ESTADOS UNIDOS

Não perca a oportunidade!

A Semana Internacional de Startups Einstein, que acontece entre 23 e 27 de outubro, oferecerá a três startups selecionadas a possibilidade de receber coaching e validação científica, tecnologia e negócios na instituição norte-americana – uma das mais prestigiadas do mundo, com um histórico de 15 prêmios Nobel ganhos. Durante a mesma viagem, as startups ainda participarão de um dos maiores eventos mundiais sobre inovação em saúde, o Medical Innovation Summit, organizado pela Cleveland Clinic.

As inscrições estão abertas até 10 de setembro.

 

Saiba mais em:

https://conteudo-startse-com-br.cdn.ampproject.org/c/s/conteudo.startse.com.br/startups/lucas-bicudo/einstein-quer-levar-startups-de-saude-para-aceleracao-nos-estados-unidos/amp/

HOJE FOI LANÇADA CAMPANHA PARA INCENTIVAR DIAGNÓSTICO DOS QUASE 1,5 MILHÃO DE BRASILEIROS QUE NÃO SABEM E TÊM HEPATITE C

ANTONIO JORGE SALOMÃO, Secretário-Geral da AMB, representou a entidade no evento de lançamento da campanha, que tem o objetivo de aumentar o diagnóstico de hepatite C e encaminhamento dos pacientes com a doença para tratamento adequado.

A companhia biofarmacêutica AbbVie, em parceria com as Sociedades Brasileiras de Infectologia e de Hepatologia e AMB – Associação Médica Brasileira, lançou a campanha pública  para incentivar os profissionais de saúde, de qualquer especialidade, a incluir o teste para hepatite C na sua prática clínica. É um exame simples, de sangue, de rápida resposta e pode ser realizado gratuitamente em centros públicos de saúde.

A hepatite C é atualmente a principal causa de óbito entre as hepatites virais, segundo o Boletim Epidemiológico 2017, emitido pelo Departamento de Aids, Hepatites Virais e Infecções Sexualmente Transmissíveis, do Ministério da Saúde. Segundo este boletim, as regiões Sul e Sudeste do país lideram a detecção da doença, enquanto o Norte, Nordeste e Centro-­‐Oeste apresentam baixo índice de notificação da hepatite C.

“Em cerca de 90 por cento dos casos, a hepatite C pode ser curada”, afirmou o especialista Sergio Cimerman, presidente da Sociedade Brasileira de Infectologia. “Por isso, é importante o engajamento de toda a classe médica para detectar e tratar a doença precocemente, isto é, quando os danos ao fígado e a outros órgãos ainda podem ser controlados. Com a detecção precoce e tratamento adequado, podemos acreditar que a erradicação da doença é possível”.

“O desenvolvimento da hepatite C é lento; muitas vezes é assintomática e pode demorar até 30 anos para os sintomas surgirem. Quando estes sintomas se manifestam, a doença já pode estar em estágio avançado”, afirma o especialista Edmundo Pessoa Lopes. presidente da Sociedade Brasileira de Hepatologia. “A hepatite é a causa de cerca de 25 por cento dos casos de câncer de fígado que, por sua vez, têm 33 por cento de probabilidade de resultar em morte no primeiro ano depois de iniciado o processo de câncer”, afirmou.

COMISSÃO ELEITORAL DA AMB REÚNE-SE COM REPRESENTANTES DAS CHAPAS

A Comissão Eleitoral, dedicada à realização das eleições para a gestão do triênio 2017-2020, reuniu-se hoje, dia 25, na sede da Associação Médica Brasileira, contando com a presença de representantes das duas chapas que concorrem ao pleito.
Estavam presentes pela Comissão Eleitoral:
• Aldemir Humberto Soares (1º Secretário da Associação Médica Brasileira);
• Henrique Batista e Silva (Secretário Geral do CFM e Conselheiro Federal do CFM por Sergipe) e
• Newton Monteiro de Barros (Conselheiro Nato da AMRIGS, Conselheiro Suplente do CFM).
As chapas que concorrem ao pleito foram representadas por:
• Miguel Roberto Jorge – Chapa 1 – AMB SEM PARTIDO, candidato a 1º Tesoureiro da AMB, Atual 2º Tesoureiro da AMB.
• Florisval Meinão – Chapa 2 – AMB PARA OS MÉDICOS, candidato a 2º Vice-Presidente da AMB, atual presidente da APM.

(Foto: AMB)

NÃO SE DEIXE ENGANAR COM BOATOS

 

Para votar nas eleições da AMB o site é www.eleicaoamb.org.br.

As eleições começaram dia 21/8 e irão até o dia 31.

Além da eleição da própria Associação Médica Brasileira, a AMB está realizando as eleições de diversas federadas, a pedido dessas.

Todo processo é feito de forma eletrônica, por empresa com experiência e competência no ramo e auditado por empresa internacionalmente reconhecida.

Algumas federadas preferiram realizar seus pleitos locais de forma independente.

Porém, para votar na eleição da AMB, utilize o site www.eleicaoamb.org.br.

Fique atento. Valorize seu voto. Vote no lugar certo: www.eleicaoamb.org.br.

Estamos realizando eleições transparentes, com empresa experiente e auditoria de empresa reconhecida internacionalmente – PwC

Ainda com dúvidas?

Ligue 0800 277 2985 ou para AMB no ramal para eleições (11) 3178-6808.

ATENÇÃO!!! Eleição da AMB quem faz é a AMB

 

www.eleicaoamb.org.br  //  www.eleicaoamb.org.br  // www.eleicaoamb.org.br  

Estamos em processo eleitoral nas Associações Médicas. A Associação Médica Brasileira está realizando as eleições de diversas federadas, juntamente com a eleição da própria AMB, a pedido dessas Federadas.

Todo processo é feito de forma eletrônica, conduzido por empresa com larga experiência e competência no ramo e auditado por empresa de auditoria internacionalmente reconhecida.

Algumas federadas preferiram realizar seus pleitos locais de forma independente e assim estão fazendo. Porém, para votar na eleição da AMB, somente pelo site www.eleicaoamb.org.br.

Fique atento. Valorize seu voto. Vote no lugar certo.

Para votar nas eleições da AMB o site é www.eleicaoamb.org.br

Não se deixe enganar.
Não jogue seu voto fora.
Acesse www.eleicaoamb.org.br
A eleição ocorrerá entre 21 e 31 de agosto no site www.eleicaoamb.org.br

Não recebeu sua senha?
Entre no site www.eleicaoamb.org.br e recupere.
É simples. É fácil. É rápido.
Ainda com dúvidas? Ligue 0800 277 2985
Estamos realizando eleições transparentes.