PL PROPÕE INDENIZAÇÃO PARA PROFISSIONAIS DE SAÚDE QUE ATUAM NA PANDEMIA

A Sociedade Brasileira de Cardiologia (SBC), entidade filiada à AMB, propôs ao deputado Hugo Motta (Republicanos/PB) a criação de um projeto de lei (PL) que torne obrigatório o pagamento de compensação aos profissionais de saúde que atuarem no enfrentamento ao novo coronavírus.

O PL 1906/2020, que está em análise na Câmara, seria uma forma de garantir uma indenização para os infectados em seus postos de trabalho que venham a ter invalidez parcial permanente, invalidez total ou falecerem em decorrência do vírus.

No site da Câmara dos Deputados, a população pode opinar sobre a proposta que pode impactar a vida de milhares de profissionais saúde e suas famílias. A participação social é fundamental para que o PL seja aprovado. “Precisamos nos unir e todos podem contribuir opinando a favor no site da Câmara” comenta Lincoln Ferreira, presidente da AMB.

Diogo Sampaio, vice-presidente da AMB, endossa o apoio da Associação “Vamos acompanhar o PL e atuar para que seja aprovada em caráter de urgência. Esta é uma proposição que não pode esperar”, diz.

A ideia surgiu a partir do aumento de casos de contaminação de médicos e demais profissionais de saúde pela Covid-19, muitas vezes, devido à falta de equipamentos de proteção individual (EPIs) durante o atendimento a pacientes com a Covid-19.

“Há uma dificuldade global na oferta e obtenção de equipamento de proteção individual para esses trabalhadores, o que eleva exponencialmente o risco de contaminação pelo coronavírus. Hoje sabemos que entre 20% e 30% dos profissionais de saúde vão adquirir essa infecção”, comenta o presidente da SBC, Marcelo Queiroga.

Acesse aqui o site da Câmara dos Deputados e não deixe de demonstrar o seu apoio aos profissionais de saúde votando a favor do PL .

Compartilhar em: