PERSPECTIVAS DA MEDICINA PARA 2019, IMUNOTERAPIA 2.0 E DIRETRIZES PAUTAM REUNIÃO DO CONSELHO CIENTÍFICO

A reunião do Conselho Científico da AMB é um momento importante para atualizar os conhecimentos sobre os avanços da Medicina atual. No encontro desta terça-feira (26) não foi diferente. O diretor científico da AMB, Antonio Carlos Palandri Chagas, recebeu pesquisadores renomados para tratar de assuntos diretamente relacionados com o futuro da atividade médica. O presidente da AMB, Lincoln Ferreira, também esteve presente.

“As apresentações nos trouxeram ricas reflexões sobre a formação atual do médico e como aplicar a tecnologia neste contexto, sobre o futuro da imunooncologia e sobre lições de como as diretrizes devem ser empregadas na prática profissional do médico”, destaca Chagas.

MEDICINA 2019

O cardiologista e professor da Universidade de São Paulo, Protásio da Luz, dividiu com os participantes uma apresentação sobre “Avanços e perspectivas para a Medicina em 2019”. Ele abordou inovações nas áreas de genética, fisiologia, tratamentos de problemas na flora intestinal e como a Big Data pode ser usada em sistemas de gerenciamento de informações médicas.
Protásio da Luz sintetiza o que, para ele, permeia esse e outros assuntos importantes para os avanços na medicina. “De maneira geral, o futuro está ligado à medicina de precisão, a uma profunda mudança no ensino médico, à medicina translacional e à prevenção e promoção da saúde como estilo de vida. O pesquisador pode e deve estar preocupado com fenômenos bioquímicos, o médico precisa gostar e cuidar de gente”, ressalta.

IMUNOTERAPIA ONCOLÓGICA

“Imunoterapia 2.0 – avanços terapêuticos” foi o tema da palestra de Rodrigo Munhoz, oncologista e vice-presidente para ensino da Oncologia da Sociedade Brasileira de Oncologia Clínica. As técnicas de tratamento imunoterápicos consistem na administração de medicamentos que estimulam o sistema imunológico e incentivam o organismo a identificar e combater células tumorais.

“Temos observado resultados significativos e que indicam a imunoterapia como um tratamento muito eficiente. A interação entre o sistema imunológico e o câncer geram efeitos antitumorais positivos e animadores. Desta forma, a imunoterapia já se configura como um novo pilar do tratamento oncológico, juntamente com a cirurgia, a quimio e a radioterapia”, reforça Rodrigo Munhoz.

DIRETRIZES

Já o coordenador do Projeto Diretrizes da AMB, Wanderley Bernardo, falou sobre diretrizes baseadas em evidências. Ele reforçou a necessidade atual de estabelecer padrões, apresentou a metodologia de desenvolvimento de diretrizes e destacou que essa responsabilidade é da AMB, com apoio científico das sociedades de especialidades.

“Para a construção de padrões responsáveis, as diretrizes baseadas em evidências devem seguir três parâmetros: revisão sistemática da literatura, contextualização e recomendações, respondendo a perguntas como qual é o benefício, o dano, nível de certeza e para quem é aplicável”, completa Wanderley Bernardo.

Foto: Gabriela Costa

REUNIÃO DO CONSELHO DELIBERATIVO DA AMB ENCERRA COM BOAS EXPECTATIVAS

A reunião do Conselho Deliberativo da AMB realiza reunião nesta sexta-feira (15), no auditório da Associação Médica do Rio Grande do Sul (AMRIGS), em Porto Alegre, encerrou com entusiasmo da diretoria da AMB e dos presidentes e representantes das Federadas e Sociedades de Especialidades, com as discussões da pauta, como o Projeto Diretrizes.

A reunião também contou com a presença de Mayra Pinheiro, Secretária de Gestão do Trabalho e da Educação na Saúde, Ministério da Saúde. Ela falou sobre a Carreira de Médico de Estado, trouxe diversos assuntos de interesse dos participantes, além de se comprometer a dar andamento às demandas apresentadas.

CARREIRA DE MÉDICO DE ESTADO É TEMA DA REUNIÃO DO CONSELHO DELIBERATIVO

O Conselho Deliberativo da AMB realiza reunião nesta sexta-feira (15), no auditório da Associação Médica do Rio Grande do Sul (AMRIGS), em Porto Alegre. Na pauta central está a carreira de Médico de Estado.

Lincoln Ferreira, presidente da AMB, Antônio Jorge Salomão, secretário-geral, Alfredo Cantalice, anfitrião e presidente da AMRIGS, e Eduardo Trindade, recém-empossado presidente do Conselho Regional de Medicina do Estado do Rio Grande do Sul (CREMERS) compõem a mesa de abertura.

Presidentes e representantes das Federadas da AMB e das Sociedades de Especialidade filiadas iniciaram as atividades apresentando os resultados dos trabalhos nas regiões e especialidades e trazendo sugestões para a pauta da AMB.

À tarde, Lincoln Ferreira apresentará o status da atuação da AMB sobre carreira de Médico de Estado e Wanderley Bernardo, Coordenador do Programa Diretrizes da entidade, vai falar sobre Diretrizes Médicas Baseadas em Evidências.

ENCONTRO ENTRE PESQUISADORES BRASILEIROS E PORTUGUESES DEBATE BIOÉTICA EM SC

A ética na medicina esteve na pauta de discussões da AMB nesta quinta-feira (14). O presidente da entidade Lincoln Ferreira participou, em Florianópolis (SC), do II Encontro Luso-Brasileiro de Bioética, com o tema “Integridade e aprimoramento moral na pesquisa biomédica”. A diretora de assuntos parlamentares da AMB Débora Cavalcanti também esteve presente.

O evento, que ainda terá o segundo dia de palestras nesta sexta-feira (15), é promovido pelo Conselho Federal de Medicina (CFM) e reúne pesquisadores brasileiros e portugueses, da Universidade do Porto. Temas como pesquisas em seres humanos no âmbito da genética médica, biomédica em animais, influência da indústria de fármacos e aprimoramento humano e moral estão sendo debatidos no encontro.

Lincoln Ferreira compôs a mesa na solenidade de abertura do encontro. Outros nomes importantes no segmento também estiveram presentes no evento, como Carlos Vital Tavares Corrêa Lima, presidente do CFM; José Hiran da Silva Gallo, diretor e coordenador da Câmara Técnica de Bioética do CFM; Rui Nunes, diretor do Programa Doutoral em Bioética da Faculdade de Medicina da Universidade do Porto (FMUP); Dirceu Greco, presidente da Sociedade Brasileira de Bioética; e Marcelo Neves Linhares – Presidente do CRM-SC.

O presidente da AMB destaca a oportunidade ímpar de debater questões relativas à bioética com pesquisadores renomados do Brasil e de Portugal. “Todos os dias, os desafios da atividade médica nos propõem novas discussões sobre bioética, que devem ser constantes e estar sempre atualizadas. Essa troca de informações com pesquisadores de outros países é extremamente importante para ampliarmos horizontes e trazermos novas perspectivas para o debate sobre o tema”, reforça.

Débora Cavalcanti reforça que “a Câmara Técnica de Bioética do CFM está de parabéns pela iniciativa, que contou com a presença de pesquisadores de referência no assunto, como os professores portugueses Paulo Maia e Cristina Nunes, além de vários outros nomes que têm muito a contribuir para a ampliação do debate sobre o assunto”.

A programação completa do II Encontro Luso-Brasileiro de Bioética, que já está com as inscrições encerradas, pode ser consultada no site do CFM.

Fotos: Débora Cavalcanti

BIOÉTICA EM PAUTA 

 

A integridade e o aprimoramento moral na pesquisa biomédica serão tema de encontro entre pesquisadores brasileiros e portugueses a partir de amanhã (14).

O presidente da AMB Lincoln Ferreira vai participar da solenidade de abertura do II Encontro Luso-Brasileiro de Bioética, que será realizado em Santa Catarina.

A programação completa do II Encontro Luso-Brasileiro de Bioética, que já está com as inscrições encerradas, pode ser consultada no site de eventos do Conselho Federal de Medicina (CFM): http://www.eventos.cfm.org.br/.

#AMB #Bioética #CFM

DIRETORA DA AMB PARTICIPA DE ALMOÇO-DEBATE COM MINISTRO DA SAÚDE

A diretora da AMB, Carmita Abdo, participou, nesta segunda-feira (11), de um almoço-debate com o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, com o tema “Projeto de Saúde para um novo Brasil”. O evento aconteceu no Hotel Grand Hyatt, em São Paulo, e foi promovido pelo Lide Global, grupo de líderes que tem como objetivo incentivar e promover as relações empresariais e discutir temas econômicos e políticos de interesse nacional.

Durante o encontro, o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, apresentou para uma plateia de empresários do setor as ações que pretende implementar para aprimorar a saúde pública brasileira. Dentre os assuntos abordados em seu discurso estão a informatização do sistema, a reestruturação da Atenção Primária, a regionalização da saúde, o aprimoramento do programa Mais Médicos e a ação integrada nos hospitais federais para promoção de melhorias de gestão e, consequentemente, da qualidade do atendimento prestado à população.

Ele também prometeu para os próximos dias a publicação de um novo organograma do Ministério, e um projeto para lançar bases para a criação de um instituto nacional de genética humana. Colocou como meta do governo, ainda, criar um prontuário eletrônico para todos os brasileiros com dados da saúde pública e da saúde suplementar.

O ministro da Saúde explicou aos empresários os problemas no orçamento do ministério, que é metade do tamanho da demanda. Mandetta falou também da telemedicina, que segundo ele, merece ter uma análise mais aprofundada. Demostrou ainda bastante preocupação com a formação médica e com o nível dos cursos de medicina no País. Uma questão que precisa ser resolvida o quanto antes.

Para a diretora da AMB, Carmita Abdo, “o ministro Mandetta demonstrou amplo conhecimento dos nossos problemas e da situação precária da Saúde de nosso pais. Apresentou muita clareza e coerência em sua fala, disponibilidade em dialogar com as entidades médicas e vontade de resolver. As questões de que ele tratou estão bastante alinhadas com a Pauta da AMB, qual seja: priorizar dignas condições de trabalho, estrutura e segurança profissional para os médicos, além de trabalhar para que a Medicina e a Saúde no Brasil alcancem a atenção e a seriedade que merecem“.

NOVA DIRETORIA DA AMERESP TOMA POSSE

Nova diretoria da Ameresp: Leandro Ryuchi Iuamoto, Artur Violante Sapia, Davi Jing Jue Liu, Eduardo Hiroshi Tizakawa e Attilio Galhardo

Em solenidade realizada na sede da Associação Médica Brasileira (AMB), a nova diretoria da Associação dos Médicos Residentes do Estado de São Paulo (Ameresp) tomou posse nesta sexta-feira (8). As eleições foram realizadas no dia 24 de novembro de 2018 e o mandato teve início oficialmente em 1 de fevereiro de 2019, com duração de 12 meses.

O novo presidente da Ameresp, Davi Jing Jue Liu, destaca que o olhar da nova diretoria vai estar atento ao impacto das novas tecnologias na atividade médica, especialmente na rotina dos residentes.

“Estamos em uma fase de transição de conceitos e adaptação a novas tecnologias e, neste às contexto, a residência médica continua sendo o padrão ouro de formação do médico de excelência. Além de lutar pela qualidade dos programas, que sempre será nossa bandeira, vamos trazer a perspectiva da inovação para o cotidiano dos residentes, que dedicam anos valiosos em uma experiência de imersão em um ofício. O residente não está sozinho, a Ameresp e as outras associações estão juntas por uma especialização de qualidade”, ressalta Davi Jing Jue Liu.

Qualidade para o presente e para o futuro

 

Guilherme Andrade Peixoto, José Luiz Bonamigo Filho e Davi Jing Jue Liu

Guilherme Andrade Peixoto, que presidiu a Ameresp até 31 de janeiro deste ano, avalia que vai haver continuidade na defesa do principal objetivo da entidade: a melhora da qualidade dos programas de residência. “Nosso gasto de energia mais significativo foi com a vistoria dos programas e com o nível do ensino. O principal objetivo da Ameresp é atuar na qualidade da formação dos 18 mil residentes do Estado de São Paulo. Sabemos que temos força e espaço para continuar fazendo isso”, reforça.

José Luiz Bonamigo Filho, diretor que representou a AMB na cerimônia de posse, destaca que associações como a Ameresp fazem com que o residente se engaje no associativismo. “Esse trabalho é muito importante para formar representações. É por este caminho que os residentes podem pleitear programas cada vez mais qualificados. Fui presidente da Associação Nacional dos Médicos Residentes e nosso vice-presidente, Diogo Leite Sampaio, também. Esse é um exemplo vivo de como o trabalho de associações como a Ameresp é importante para formar lideranças que vão lutar pelo futuro da atividade médica”, ressalta Bonamigo.

Homenagens

 

José Luiz Bonamigo Filho representa o presidente da AMB Lincoln Ferreira na entrega do prêmio Irene Abramovich

A cerimônia também abriu espaço para homenagear quem contribuiu ativamente com o trabalho da Ameresp nos últimos tempos. Um dos homenageados com o prêmio Irene Abramovich foi o presidente da AMB, Lincoln Lopes Ferreira, representado pelo diretor José Luiz Bonamigo Filho durante a homenagem.

“O Lincoln sempre foi um grande incentivador e apoiador das associações médicas, especialmente dos residentes. A abertura que o trabalho da Ameresp encontra nele e na AMB, de forma geral, é extremamente importante para continuarmos avançando nas discussões relativas à residência médica”, ressalta Guilherme Andrade Peixoto.

Além do presidente da AMB, também receberam o prêmio Rosana Leite de Melo, presidente da Comissão Nacional de Residência Médica (CNRM), o advogado César Augusto Jaeger Bento Vidal e a própria Irene Abramovich, representada por Paula Yoshimura Coelho.

Conheça a nova diretoria:

Presidente
Davi Jing Jue Liu

Vice-presidente
Artur Violante Sapia

Secretário Geral
Eduardo Hiroshi Tizakawa

1° Tesoureiro
Leandro Ryuchi Iuamoto

2° Tesoureiro
Attilio Galhardo

Diretores Adjuntos
Canuto Leite de Almeida Junior
Lucas Mota Suman
Giovanni Demartino
Humberto Villefort Silva Chaves
Cristiano Novack Amaral Pereira

PRESTAÇÃO DE CONTAS E ORÇAMENTO SÃO APROVADOS EM ASSEMBLEIAS

PRESTAÇÃO DE CONTAS E ORÇAMENTO SÃO APROVADOS EM ASSEMBLEIAS

 

O Relatório Anual da Diretoria da AMB e a prestação de contas da atual diretoria, incluindo o relatório de auditoria e o balanço patrimonial, foram aprovados nesta terça-feira (30/10) na Assembleia Ordinária de Delegados da AMB e logo após, por unanimidade, na Assembleia Geral da AMB. Também foi aprovada a proposta orçamentária para o exercício de 2019, assim como o valor da contribuição associativa no valor de R$ 24,50 ao mês. As reuniões aconteceram na sede da Associação Médica de Minas Gerais.

LINCOLN COMEMORA DIA DO MÉDICO COM BENEFICÊNCIA PORTUGUESA DE SANTOS

A Sociedade Portuguesa de Beneficência de Santos prestou homenagem aos médicos neste dia 18/Outubro, com um almoço na própria instituição.

Dentre os convidados estavam comemorando com os colegas da entidade e o presidente da SBP, Ademir Pestana e diretores, Lincoln Ferreira, presidente da AMB, Dr. Valter Makoto, secretario adjunto de Saúde de Santos e Dr. Mario Cardoso, ex-presidente da AMB.

“Ficamos gratos pelo convite e afetuosa recepção. É importante estamos presentes em momentos como este, compartilhando com os colegas que escolheram, como nós, mais do que uma profissão – uma missão, nossa visão e a crença de que somente unidos enquanto categoria e com nossas e entidades representativas, conquistaremos as condições que nos permitam ampliar e qualificar o atendimento a saúde no Brasil”.

JOÃO PESSOA RECEBE 48ª EDIÇÃO DO CONGRESSO BRASILEIRO DE OTORRINOLARINGOLOGIA

Encontro ocorre de 31 de outubro a 3 de novembro no Centro de Convenções da capital paraibana

A Associação Brasileira de Otorrinolaringologia e Cirurgia Cérvico-Facial (ABORL-CCF) promove, entre os dias 31 de outubro e 3 de novembro, o 48º Congresso Brasileiro da especialidade. O evento será realizado no Centro de Convenções de João Pessoa e a expectativa é de que aproximadamente 3 mil profissionais participem do encontro, que já conta com a presença confirmada de 10 convidados internacionais.

O 48º Congresso trará para os participantes a transmissão de cirurgias ao vivo de diversas áreas da especialidade, para que a experiência de todos possa ser a mais abrangente e completa possível. “O grande destaque desta edição fica por conta da realização e transmissão das cirurgias ao vivo. A confluência da prática com a teoria é o grande objetivo do Congresso, bem como a possibilidade de trocar conhecimentos e experiências com colegas de profissão. Estamos preparando uma grade científica repleta das maiores novidades da especialidade e que dialoga com outros assuntos importantes para nós otorrinos, indo desde aspectos legais do cotidiano médico até a própria gestão da carreira”, declarou o Presidente da ABORL-CCF, Dr. Márcio Abrahão.

Entre os temas que serão apresentados durante o encontro, destaque para:

  • Realização e transmissão de cirurgias ao vivo;
  • Tratamento de perfuração timpânica;
  • Tremor vocal na doença de Parkinson;
  • Técnicas Reconstrutivas para cirurgia de câncer de laringe;
  • Tratamento do ronco e da apneia obstrutiva do sono;
  • Otorrinogeriatria, abordando questões como “audição pré demência”, “disfagia e disfonia no idoso” e “envelhecimento nasal”.

Para mais informações a respeito, acesse o site: http://www.otorrino2018.org.br/

Serviço:

O que: 48º Congresso Brasileiro de Otorrinolaringologia e Cirurgia Cérvico Facial;

Quando: 31 de outubro a 3 de novembro de 2018;

Onde: Centro de Convenções de João Pessoa (PB);

Realização: Associação Brasileira de Otorrinolaringologia e Cirurgia Cérvico-Facial (ABORL-CCF).

(texto: ABORL-CCF)