Associação Médica do Rio Grande do Sul – Ambiente inovador na sede da AMRIGS oferece estrutura completa para simulação e treinamento

Voltar ao blog

Centro de Simulação e Treinamento foi inaugurado na noite desta terça-feira (29/11) na Associação Médica do Rio Grande do Sul A saúde é uma das áreas na qual a capacitação e o treinamento são essenciais. Afinal, nada é mais valioso do que a própria vida. Com esta visão, a Associação Médica do Rio Grande do Sul (AMRIGS) deu um passo histórico, inaugurando um ambiente qualificado para realização de atividades de simulação e treinamento. A solenidade de lançamento reuniu, além da diretoria da entidade, autoridades da saúde, médicos e representantes de especialidades médicas. “Precisávamos unir, ciência, tecnologia e inovação. Precisávamos pensar em algo que ajudasse a difundir esse conhecimento todo, para alcançar a sociedade gaúcha. Então, pensamos em fazer esse Centro de Simulação e Treinamento”, detalhou o presidente da Associação Médica do Rio Grande do Sul, Dr. Gerson Junqueira Jr. Presente na cerimônia, o presidente da Associação Médica Brasileira (AMB), Dr. César Eduardo Fernandes, destacou a conquista da AMRIGS. “É um benefício que não se limita à profissão de médico. É um trabalho de prestação a toda sociedade. Estamos diante de uma sociedade médica que muito nos orgulha e que tem trabalhado trazendo inovação em sua gestão, servindo para que outras federadas sigam esse exemplo sério e comprometido. É algo muito importante para o futuro e pela qualidade da saúde em geral”, afirmou. O presidente do Conselho Federal de Medicina, (CFM), também esteve presente. Dr. José Hiran da Silva Gallo ressaltou a importância de contar com médicos muito bem formados no país. “Quero agradecer e cumprimentar as sociedades que participaram dessa ação. Sou um defensor intransigente do associativismo médico. É de grande importância para Medicina brasileira”, afirmou. Representando a Prefeitura de Porto Alegre, o secretário municipal da Saúde, Dr. Mauro Sparta, saudou o momento histórico para a Medicina. “É uma grande noite para a Medicina. Estamos diante de uma ferramenta indispensável. A formação médica, em alguns momentos, não dispõe da estrutura necessária. Se faz imperioso que exista essa condição. Aqui é a casa do médico gaúcho. Estamos em uma simbiose e harmonia que só quem ganha é a sociedade”, discursou. A secretária estadual da Saúde, Arita Bergmann, representando o Governo do Estado, não poupou elogios à iniciativa. “O presidente da AMRIGS, Dr Gerson Junqueira Jr., e todos os demais membros que compõem a diretoria desta valorosa instituição, são um orgulho para o estado do Rio Grande do Sul. O futuro certamente fará com que este trabalho seja reconhecido no Brasil como uma experiência inovadora”, afirmou. Como vai funcionar o Centro de Simulação e Treinamento A área vai beneficiar profissionais de múltiplas especialidades. O espaço tem aproximadamente 645m² e é formado por salas de aula, auditórios, espaço para ambientação de uma Unidade de Terapia Intensiva, centro obstétrico e centro cirúrgico. Entre as diversas tecnologias existentes, estão equipamentos que permitem a prática da reanimação de pacientes adultos e pediátricos; simulação de intubação de pacientes, simulador Endo Suíte, o primeiro e único aparelho na América Latina para treinamento de endoscopia com uso de equipamentos reais e retorno tátil, que simula a resistência dos tecidos do corpo durante os procedimentos. O local também será equipado com aparelhos para simulação de videolaparoscopias, ultrassonografias, artroscopias, angiografia, entre outros procedimentos. A iniciativa da AMRIGS foi desenvolvida com a participação financeira da Cooperativa dos Anestesiologistas de Porto Alegre (COOPA) e da Sociedade de Anestesiologia do Rio Grande do Sul (SARGS), e em parceria com o Instituto Simutec. Homenagem A noite foi também de homenagem ao médico e ex-presidente da AMRIGS, Dr. Martinho Alexandre Reis Álvares da Silva, falecido em maio de 2022. O Centro de Simulação e Treinamento foi batizado com o nome do anestesiologista que liderou a Associação durante os mandatos 1993-1995, 1995-1997 e 1997-1999. Sua gestão ao final dos anos 90 resultou na construção do Teatro AMRIGS, um momento de glória para a história da instituição. Também exerceu o cargo de presidente da Cooperativa dos Anestesiologistas de Porto Alegre (COOPA) e fez parte do Conselho de Ética do Hospital Moinhos de Vento. Fonte: ASCOM AMRIGS Fotos: Marcelo Matusiak