Tag Archives: diogo sampaio

ORGANIZAÇÃO CRIMINOSA

O atual reitor da Universidade Brasil, principal alvo da segunda fase da Operação Vagatomia, deflagrada nesta quinta-feira (13) pela Polícia Federal, é acusado de crimes como obstrução de investigação de organização criminosa e coação no curso do processo. Isso evidencia como é grave o esquema de compra de vagas envolvendo faculdades particulares, que vem sendo denunciado pela AMB.

Segundo a PF, ele teria ameaçado e intimidado testemunhas e uma colaboradora da investigação. Pais e alunos da UniBrasil também denunciaram o comportamento intimidatório do reitor. Vale lembrar que o antigo reitor da universidade foi preso na primeira fase da Vagatomia.

“Tudo isso mostra como o esquema de compra de vagas na revalidação de diplomas tem se estabelecido como uma verdadeira organização criminosa, capaz de qualquer coisa para defender os próprios interesses e totalmente alheia à qualidade do médico que vai atender a população”, avalia Diogo Sampaio, vice-presidente da AMB.

FELLOW, REVALIDA E SAÚDE DIGITAL NA PAUTA DA COMISSÃO DE ENSINO MÉDICO

Os programas de Fellow, voltados para médicos que já passaram pela residência médica e querem continuar se atualizando, foram o centro do debate da Comissão de Ensino Médico e Pós-Graduação da AMB nesta quinta-feira (6). No encontro, Diogo Sampaio, vice-presidente da AMB e presidente da comissão; e os membros Maria José Maldonado, Antônio Carlos Chagas e José Roberto Baratella, discutiram sobre o que pode ser considerado Fellow, de acordo com a perspectiva da AMB.

Diogo Sampaio reforçou que “a entidade reconhece para suas provas de titulação os cursos de especialização que cumpram no mínimo 2.880 horas por ano, aos moldes da residência médica, e que sejam reconhecidos pelas sociedades de especialidade vinculadas à AMB”. Ele ainda lembrou que Pós-Graduação Lato Sensu não é considerada especialização médica.

Durante a reunião, os participantes ainda relembraram sobre como está a tramitação no Congresso Nacional dos projetos relacionados à revalidação de diplomas médicos expedidos no exterior. Depois do veto do presidente Jair Bolsonaro aos artigos que autorizavam faculdades particulares a revalidarem diplomas, a Medida Provisória 890 volta para ser apreciada em uma sessão especial do Congresso Nacional, reunindo Câmara dos Deputados e Senado, que podem manter ou derrubar o veto.

A Comissão de Ensino Médico e Pós-Graduação da AMB também discutiu a programação do Fórum de Saúde Digital, que está sendo organizado pela entidade e será realizado em maio.

ARNALDO DE LIMA JR. FORA DO MEC

Durante entrevista, o vice-presidente da AMB, Diogo Sampaio, analisa os impactos da saída de Arnaldo de Lima Jr. da Secretaria Nacional de Educação Superior do Ministério da Educação (MEC). A AMB já havia pedido a demissão dele em agosto por prevaricação diante das denúncias sobre o esquema de compra de vagas na revalidação de diplomas médicos expedidos no exterior.

Assista!

 

ENERGIA NOVA NA ABLAM 

 

A nova gestão da Associação Brasileira de Ligas Acadêmicas (ABLAM) tomou posse nesta sexta-feira (31) na sede da AMB. Quem assume a presidência é Veridiana Tavares Santos, que atuou como diretora de Ligas na gestão passada, comandada por Priscilla Costa. 
 

O vice-presidente da AMB, Diogo Sampaio, que também preside a Comissão de Médico Jovem da entidade, fala sobre a importância das ligas para impulsionar a qualidade da formação médica. 
 

Assista!

QUEM PAGA A CONTA?

 

Quem pagaria a conta do Revalida Light? Esse é o questionamento feito pelo vice-presidente da AMB, Diogo Sampaio, na matéria de capa da edição 1411 do Jornal da AMB (JAMB).

Na reportagem, ele detalhou o acordão que estava sendo criado para flexibilizar as regras de revalidação de diplomas de egressos do exterior e destacou: “Transformaram o Revalida em um processo no qual tudo é permitido e em que ninguém fica com a responsabilidade de zelar pela qualidade”.

Em breve todos os associados da AMB vão estar com a edição física do JAMB em mãos. Se não quiser esperar, a versão digital já está disponível na área logada do site da AMB.

ANMR ELEGE NOVA DIRETORIA


As demandas dos médicos residentes ganharam fôlego novo este mês. A nova diretoria da Associação Nacional dos Médicos Residentes (ANMR) foi eleita no último sábado (18), em cerimônia realizada na sede da Associação Médica de Pernambuco (AMPE), no Recife. Quem vai presidir a entidade este ano é Euler Sauaia, médico formado pela Universidade Federal do Maranhão (UFMA), que atuou como vice-presidente da ANMR na gestão anterior, comandada por Pauline Josende.

A eleição foi realizada durante o 53°Congresso Nacional dos Médicos Residentes. O vice-presidente da Associação Médica Brasileira (AMB), Diogo Sampaio, que também dirigiu a ANMR entre 2005 e 2006 e é membro votante da Comissão Nacional de Residência Médica, prestigiou o evento de posse e palestrou no congresso.

Saiba mais!

“A ANMR representa o médico em uma fase cheia de desafios e é extremamente importante para propor os debates necessários para a construção de uma trajetória sólida no exercício da medicina. Estou seguro de que a nova diretoria vai continuar cumprindo esse papel com competência e seriedade”, destaca Diogo Sampaio.

O presidente da AMB, Lincoln Ferreira, reforça o chamado para que os médicos se integrem ao associativismo médico desde cedo. “A ANMR é uma importante plataforma de integração entre o médico residente e as demandas que impactam toda a classe médica. Torço pelo sucesso da nova diretoria e reitero que estamos abertos para colaborar com essa nova geração de profissionais”, declarou o presidente.

Foto: ANMR

LUTA CONTRA O REVALIDA LIGHT É DESTAQUE NO JAMB

 

“A saúde da população brasileira não pode ser usada de maneira eleitoreira”, destaca Diogo Sampaio, vice-presidente da AMB, na matéria de capa da edição 1411 do Jornal da Associação Médica Brasileira (JAMB).

Nesta edição, você vai ler sobre o papel da AMB na luta contra o Revalida Light. Os diretores da entidade deram voz às reivindicações da classe médica e acompanharam toda a tramitação da MPV890/19 e dos debates envolvendo o Médicos pelo Brasil e a revalidação de diplomas médicos expedidos no exterior.

A reportagem especial destaca os vetos presidenciais que mantiveram o processo restrito às instituições públicas e salvaram o Exame Revalida; e ainda detalha as denúncias feitas pela AMB contra esquemas fraudulentos de compra de vagas na revalidação.

Em breve todos os associados da AMB vão estar com a edição física em mãos. Se não quiser esperar, a versão digital já está disponível na área logada do site da AMB.

Confira!

53º CONGRESSO NACIONAL DOS MÉDICOS RESIDENTES DEBATE OS DESAFIOS DOS PRIMEIROS ANOS DE PROFISSÃO

 Neste fim de semana, médicos residentes de todo o Brasil estão reunidos em Recife (PE) para três eventos importantes no calendário do grupo: 53°Congresso Nacional dos Médicos Residentes (CNMR), 4° Congresso Brasileiro dos Estudantes de Medicina e 3° Congresso Pernambucano do Médico Residente. Os eventos têm o apoio do Conselho Regional de Medicina de Pernambuco e do Sindicato dos Médicos local.

O encontro está sendo realizado na sede da Associação Médica de Pernambuco (AMPE). Além dos três congressos, paralelamente, será realizada a eleição da nova diretoria executiva que vai dirigir a Associação Nacional dos Médicos Residentes (ANMR) durante o ano de 2020.

O vice-presidente da Associação Médica Brasileira (AMB), Diogo Sampaio, está representando a entidade no evento. Ele ministra a palestra “Mudanças no Revalida: consequências para os médicos e população”. Diogo foi presidente da ANMR entre 2005 e 2006 e é membro votante da Comissão Nacional de Residência Médica.

“Aqui está a nova geração de médicos brasileiros. Precisamos ouvi-los e ajudá-los, pois os desafios para a nossa classe no Brasil são imensos. Como ex-presidente da ANMR entendo a importância de os médicos estarem integrados desde cedo, debatendo e desenvolvimento ações que impactam diretamente na atividade médica e na qualidade do atendimento prestado aos pacientes”, afirma o vice-presidente da AMB.

A programação do congresso conta com mais de 20 temas, divididos em palestras e painéis que abrangem diversos assuntos e discutem os desafios da formação dos novos profissionais, como subespecialização na medicina, aumento dos programas de residência médica, dilemas éticos do residente, cirurgias minimamente invasivas, organização financeira e noções de investimentos para médicos.

Além dos vários congressistas e palestrantes, os eventos contam com a participação da então presidente da ANMR, Pauline Elias Josende, Juracy Barbosa, ex-presidente da Aemed e da ANMR, e da presidente da AMPE, Helena Carneiro Leão.

Fotos: ANMR

NOVA DIRETORIA SBA TOMA POSSE EM CERIMONIA NO RJ

A diretoria responsável por conduzir as atividades da Sociedade Brasileira de Anestesiologia em 2020 foi empossada no último sábado (11), em cerimônia realizada no Rio de Janeiro. Quem vai presidir a entidade este ano será Rogean Nunes, doutor em Anestesiologia pela Universidade Federal do Ceará e ex-diretor Científico da SBA.

O presidente da Associação Médica Brasileira (AMB), Lincoln Ferreira, e o vice-presidente, Diogo Sampaio, que também é anestesiologista e presidente da Sociedade Matogrossense de Anestesiologia (SOMA), prestigiaram o evento.

Diogo Sampaio parabenizou a todos que compõem a nova diretoria e reforçou a abertura da AMB para contribuir com as demandas da especialidade. “No associativismo médico, cooperação é uma palavra fundamental para alcançar os resultados almejados. Por isso, desejo muito sucesso ao presidente Rogean, à nova diretoria da SBA”.

Lincoln Ferreira reiterou a disponibilidade da AMB para o diálogo com a SBA. “Torço pelo sucesso da nova diretoria e reforço que estamos abertos para colaborar no que for necessário no sentido de avançar nos objetivos e nas conquistas dos médicos, da medicina e da própria entidade”, declarou o presidente da AMB.

Conheça a nova diretoria da SBA:

Presidente: Rogean Nunes
Vice-presidente: Augusto Key Takaschima
Secretário Geral: Gualter Lisboa Ramalho
Diretor Financeiro: Vicente Faraon Fonseca
Diretor de Defesa Profissional: Luis Antonio dos Santos Diego
Diretor Administrativo: Antônio Carlos Aguiar Brandão
Diretora Científica: Maria Angela Tardelli
Vice-Diretor Científico: Marcos Antonio Costa de Albuquerque

RETROSPECTIVA AMB | INVESTIGAÇÃO SOBRE ESQUEMAS NA REVALIDAÇÃO

A AMB dedicou alguns meses no início de 2019 para investigar a fundo um esquema irregular na revalidação de diplomas de egressos do exterior. A entidade foi atrás de informações, evidências e dados que ajudassem a entender como operam as universidades e empresas intermediadoras envolvidas no esquema.

O trabalho, coordenado pelo vice-presidente da AMB, Diogo Sampaio, contemplou a análise detalhada da legislação sobre revalidação e dos editais da UFMT; o levantamento de informações sobre o perfil das faculdades conveniadas; avaliação dos canais online de empresas intermediadoras; reunião de materiais para entender como elas operam; e contato direto com as empresas, por meio de pessoas que cooperaram com a investigação, para comprovar a atuação ilícita e ameaçadora para a saúde brasileira.

A investigação levou à compreensão sobre como o esquema bilionário atua para facilitar a revalidação de diplomas de quem não comprovou habilidades para exercer medicina no Brasil. Em maio, o caso foi exposto ao Ministério da Educação e, devido à falta de retorno e atuação do MEC, as denúncias foram levadas ao CFM, à Controladoria Geral da União, a deputados da Frente Parlamentar da Medicina e ao próprio presidente da República, além da imprensa em geral.

A atuação da AMB provocou uma grande discussão nacional sobre a revalidação de diplomas estrangeiros e a capacidade de formação de escolas em países da América Latina.